Marketing Digital: como vencer a guerra na geração de leads?


As empresas enfrentam, todos os dias, o mesmo desafio: conquistar clientes. Para isso o delineamento de estratégias de marketing digital e vendas são focadas na geração de contatos capazes de se transformar em clientes.



Marketing Digital | Vendas Online


Entender o comportamento do público-alvo, transformá-los em personas e estudar o seu mercado para criar campanhas de marketing digital focadas na atração de leads será um dos pontos mais importantes desse processo.


Mas afinal, o que é lead?


No marketing digital, lead é quando um potencial consumidor demonstra interesse em um determinado produto ou serviço através do preenchimento de dados para o recebimento de uma oferta ou de conteúdo através do site. Lead portanto é uma das etapas mais importantes do funil de vendas e está exatamente entre a conversão e a venda propriamente dita de um determinado produto ou serviço.


Já entendemos que a geração de leads é parte fundamental para o sucesso da empresa, mas será que todos estão cientes do que fazer para gerar lead?


Após a análise de alguns sites, de seu público-alvo e do mercado onde estão inseridos percebi que existem grande número de erros na geração de leads, o que determina uma disfunção no funil de vendas.


Ao invés de eu dizer o que fazer para a geração de leads, trouxe para vocês uma lista dos erros mais comuns observados para a não geração de leads. É o que veremos agora, de forma bem sucinta:


1) Incompatibilidade de Anúncio


Você fez ou pediu para um profissional fazer um layout maravilhoso para anúncio e deseja vê-lo o quanto antes nas redes sociais. Cuidado! A identidade visual do seu anúncio deve ser padronizada com a mesma linguagem da sua landing page (fotos + texto + cores = mesma promessa). Muitas vezes por conter uma descaracterização de Identidade Visual o cliente pula para outra página acreditando não ser aquela, ou desiste de vez de procurar pela landing page correta.


Atente-se para isso! Para haver conversão, a landing page de destino tem que ser a cópia fiel do que foi prometido no anúncio. A sua readline (promessa principal) é o primeiro elemento que o cliente espera ver na landing page.


2) O cliente não tem interesse


Na rapidez em concretizar o anúncio, algumas pessoas se esquecem de segmentar para o público ideal acreditando que se o cliente não tiver interesse ele não vai clicar. Mas atenção para isso pois o seu investimento poderá estar saindo pelo ralo, porque não significa que a pessoa que clicou não esteja fazendo isso por mera curiosidade. Então a melhor dica que se pode dar nesse item é: segmente da melhor forma possível o seu público. Teste, conheça bem a persona do seu produto ou serviço e atraia a audiência correta e evite alto de fluxo de cliques porém com baixa conversão devido ao erro na segmentação de clientes em potencial.


3) Formulário grande demais


Para você ter uma conversão a altura, precisa que seu formulário não desamine o cliente no funil de vendas. Então, procure quebrá-lo em pequenas quantidades no funil. Utilize o que realmente é primordial. Ou melhore a oferta, com um imã digital que compense para o cliente entregar tantas informações de uma vez só.


4) Página que demora a carregar


Quando a página do seu site está bastante carregada dificulta a visualização e logo logo o seu tão respeitado público desiste e pensa em voltar novamente em um outro momento. E a verdade é que raramente ele retorna. Então, não titubeie! Tenha a certeza de que as fotos foram utilizadas com resolução e tamanhos que não atrapalhem o tráfego. Evite muitas delas. Em certas situações troque algumas por textos.


A sua página pode estar carregando muitos scripts (Facebook Pixel, Google Analitics), que, por sua vez podem gerar certo peso. Procure sempre fazer o gerenciamento dos scripts pelo Google Tag Manager e tenha a certeza que os scripts estão incorporados em páginas específicas e adequadas para eles.


Para saber se a sua página na versão desktop ou mobile está lenta, utilize o 'Page Speed Insights'. Coloque a URL da sua página e ele vai ajudá-lo a analisar o desempenho dela.


5) Página pode conter erros


Muitas vezes você só percebe algum erro de página quando algum cliente te diz. Mas lembre-se, isso é raro acontecer. Eles logo desistem. Para você saber se realmente está ocorrendo erros de página verifique em uma máquina sem cache. Pois uma vez que você sempre acessa é possível que contenham muitos caches. Você pode utilizar o navegador, no anônimo para isso, mas não significa que terá 100% de segurança. Mais interessante ainda é verificar em outro navegador. Assim terá certeza que estará vendo assim como o seu cliente.


Enfrente os erros mais frequentes na geração de leads e vença essa guerra!



Jussara Capparelli é Diretora de Atendimento e Planejamento da Outsize, Head em Branding e Marketing – possui especialização em Neurociência e Psicologia aplicada e graduada em Comunicação Social e Administração de Empresas com ênfase em marketing.

Gostou da matéria? Nós da Outsize desenvolvemos e gerenciamos estratégias de Marketing Digital para empresas que desejam aumentar suas vendas. Conte conosco você também!

48 visualizações